Empréstimos MEI: 5 Grandes Opções de Linhas de Crédito!

Os empréstimos MEI são alternativas viáveis para ajudar em seu negócio, como investimentos ou em uma situação mais delicada. Sendo assim, é de extrema importância entender como essa modalidade de empréstimo funciona antes de solicitá-la. 

Entretanto, é crucial destacar que antes de solicitar os empréstimos MEI você deve conhecer suas vantagens e desvantagens. Dessa maneira, será possível entender como acontecerá o pagamento, os termos do contrato e se realmente vale a pena optar por essa alternativa no momento. 

Portanto, você conhecerá quais são as principais instituições e programas que oferecem essa modalidade de empréstimo no Brasil. Além disso, entenderá quais são as principais características que fazem dos empréstimos MEI tão atrativos para os microempreendedores brasileiros. 

O que são empréstimos MEI?

empréstimo  MEI
Os empréstimos MEI fazem a diferença em um negócio (imagem: Canva)

Entender o que são empréstimos MEI e como eles funcionam é muito importante, pois esses poderão ter grande utilidade para o seu negócio de diversas formas diferentes. Dessa forma, você entenderá que um empréstimo não possui apenas vantagens e que é preciso estar atento em todas as etapas do processo. 

O caminho para a independência financeira não é simples, mas muitos brasileiros enxergam no empreendedorismo uma oportunidade de mudar de vida. Portanto, cada vez mais o empreendedorismo se populariza em solo brasileiro, com diversos novos microempreendedores individuais surgindo diariamente. Dessa maneira, com um grande número de clientes em potencial e um novo cenário econômico, surgiram muitas opções de empréstimos e linhas de crédito para MEIs. 

Desse modo, os empréstimos MEI poderão fazer a diferença entre a sobrevivência de um negócio e sua extinção. pesquisas apontam que uma parte significativa dos MEIs que fecham no brasil poderiam ainda estar operando caso optassem por um empréstimo. As linhas de crédito e empréstimos possuem muitas utilidades como pagamento de dívidas, compra de matéria prima, investimentos, expansão e muito mais. 

Sendo assim, os empréstimos funcionam da seguinte maneira: ao solicitar este serviço em uma instituição financeira, será feita uma análise para entender sua capacidade de pagamento, necessidades e outros fatores. Caso o empréstimo seja aprovado, você terá acesso a um valor que poderá usar como preferir ou para um determinado fim, dependendo do contrato.

Além disso, o pagamento do empréstimo é feito dentro de um prazo determinado através de parcelas mensais. As parcelas possuem juros e, em alguns casos, você só conseguirá a liberação de um empréstimo mediante a uma garantia. Dessa maneira, é de extrema importância conhecer todos os detalhes da negociação. 

Solicitação 

Primeiramente, antes de fazer suas solicitações de empréstimos para MEIs, saiba que é necessário se enquadrar em alguns requisitos. Portanto, assim como outras modalidades de empréstimo, existem regras e exigências que os clientes precisam conhecer antes de ter acesso ao valor que é tão aguardado. 

Dessa forma, para ter acesso a essa modalidade de empréstimo você precisa ser um microempreendedor individual, pessoa jurídica ou empreendedor informal. Portanto, tenha em mente que pessoas físicas não poderão solicitar um empréstimo para MEI, essa modalidade é exclusiva dos negócios que atuam no Brasil. Para mais, o seu negócio passará por uma análise socioeconômica onde serão considerados diversos fatores e você terá a obrigação de apresentar relatórios e documentos sobre a saúde financeira de seu negócio nesta etapa. 

Um dos pontos mais importantes que passam por avaliação na análise socioeconômica de seu negócio é a capacidade de pagamento. Desse modo, a capacidade de pagamento avalia o valor que você terá condições de pagar por meio de parcelas e o prazo necessário. Portanto, esta etapa é crucial para a instituição financeira definir que valor poderá te emprestar. 

Contudo, vale ressaltar que os empréstimos possuem taxas de juros e acréscimos que você precisa conhecer antes de se comprometer ao pagamento. Sendo assim, prazos e taxas variam de instituição para instituição, com cada uma possuindo suas próprias particularidades. Dessa maneira, é importante buscar pela instituição financeira que oferece as melhores condições de pagamento para o empréstimo que você pretende solicitar. 

1 – Microcrédito – Empréstimos MEI

As alternativas de empréstimos MEI são diferentes entre si e existem muitas disponíveis atualmente. Sendo assim, cada negócio tem uma necessidade e é importante entender a sua para que assim você escolha a ideal para sua situação. Portanto, o microcrédito poderá despontar como uma opção vantajosa em certos casos. 

Dessa maneira, o empreendedorismo se torna cada vez mais forte e popular em todas as regiões do Brasil. Neste caso, as instituições financeiras observaram a oportunidade de oferecer mais serviços voltados aos microempreendedores individuais. Além disso, a pandemia de covid19 foi um momento de muita incerteza e dificuldade por todo o mundo e algumas alternativas para MEIs se manterem abertos foram criadas nesta época. 

Sendo assim, bancos e agências de crédito por todo o Brasil passaram a oferecer o microcrédito como uma opção de fácil acesso, que não demora para ter a aprovação. Para mais, o microcrédito se destaca por estar amplamente disponível em instituições financeiras de milhares de cidades no país. Portanto, uma característica dessa forma de crédito para MEI é a necessidade de especificar como você vai usar o valor do empréstimo.

Além disso, geralmente no microcrédito não existe a necessidade de apresentar uma garantia para conseguir a aprovação. Desse modo, você conseguirá valores entre R$300,00 e R$21.000,00 com esse tipo de empréstimo, que poderão causar um impacto muito positivo nas finanças de sua empresa. 

Por fim, é importante ressaltar que a solicitação e aprovação do microcrédito para MEI é bastante ágil e prático. Isso acontece pois as instituições financeiras acreditam que, se tratando do mundo dos negócios, as soluções precisam acontecer da maneira mais rápida o possível, já que as necessidades geralmente são imediatas. 

2 – Pronampe – Empréstimos MEI

Outra alternativa para quem busca por empréstimos MEI é utilizar o Pronampe. Dessa maneira, esse programa teve seu lançamento durante a pandemia de covid19 pelo governo brasileiro. Sendo assim, o grande objetivo do Pronampe era prestar auxílio para os pequenos empreendedores brasileiros em um momento difícil. Todavia, a aceitação e popularidade desse programa foram enormes, o que levou o Pronampe a se tornar permanente. 

Desse modo, o Pronampe (sigla para Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de pequeno porte) tem como missão oferecer linhas de créditos acessíveis para pequenas e microempresas, além de, claro, para MEIs. Porém, algo que é importante ressaltar é que se você é MEI, lembre-se de que não poderá lucrar mais que R$81 mil no período de 1 ano se pretende aderir ao Pronampe. 

Além disso, é importante se atentar aos limites de faturamento das microempresas e pequenas empresas também: no primeiro caso, o faturamento limite será de R$360 mil; enquanto isso, para as pequenas empresas o limite é de R$4,8 milhões. Dessa forma, ao se enquadrar no programa você poderá escolher a instituição financeira onde conseguirá o empréstimo pelo Pronampe. 

Sendo assim, no Pronampe você contará com uma instituição financeira de sua confiança para fazer o empréstimo. Para mais, as instituições possuem a cobertura do governo caso o MEI não cumpra com os pagamentos. Com relação a taxa de juros, neste programa você encontrará taxas menores que a média do mercado. Quanto aos prazos para o pagamento, estes são estendidos, ou seja, você tem mais tempo para quitar o empréstimo.

3 – BNDES

O Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) é uma das principais instituições de financiamento com dinheiro público no Brasil. Dessa forma, o BNDES busca ajudar a financiar projetos e empresas que auxiliam no desenvolvimento socioeconômico do país e os empréstimos MEI estão inclusos nisso.

Portanto, o BNDES conta com diferentes linhas de crédito que você poderá solicitar de acordo com a situação atual de seu negócio. Além disso, outra grande vantagem desta alternativa é: você pode fazer todo o processo de solicitação de maneira online! Desse modo, você não precisará passar por toda a burocracia que é tão comum quando se busca solicitar por este tipo de serviço. 

Dito isso, as linhas de crédito do BNDES estão disponíveis para microempreendedores formais e informais. Com relação aos valores, é possível emprestar até R$21 mil mas, vale lembrar, cada situação passa por uma análise própria que leva em consideração diversos fatores antes de aprovar o empréstimo. Para mais, você não precisará se preocupar com garantias caso decida fazer seu empréstimo com o BNDES.

Sendo assim, não será necessário deixar um imóvel ou veículo como garantia de pagamento desses empréstimos para MEI. Por sua vez, as taxas de juros e o prazo de pagamento, motivo de muita preocupação dos empreendedores, são negociáveis. Dessa forma, elas variam de caso a caso e você poderá discutir um negócio que cabe em seu bolso. No site oficial do BNDES você encontra diversas alternativas de linhas de crédito que poderão fazer a diferença em sua empresa (www.bndes.gov.br/wps/portal/site/home).

4 – FAMPE – Empréstimos MEI

Primeiramente, o Fundo de Aval para Micro e Pequenas Empresas (FAMPE) se trata de uma iniciativa da Caixa Econômica Federal em parceria com o Sebrae. Sendo assim, o programa busca oferecer linhas de crédito que são vantajosas para MEIs. O FAMPE nada mais é que um fundo especial que prestará o auxílio para que seu negócio consiga a aprovação em empréstimos MEI

Portanto, o FAMPE possui uma atuação um pouco diferente dos outros programas presentes neste artigo: ao invés dele oferecer os empréstimos, sua função é ajudar que você consiga sua linha de crédito para MEIs. Desse modo, o FAMPE complementa as garantias que faltam para a aprovação de seu empréstimo para MEI em uma instituição financeira. Conseguir um empréstimo não é uma tarefa simples, por isso a presença do FAMPE poderá ter um peso crucial para o sucesso de sua negociação. 

Para mais, os valores que você terá que pagar ao FAMPE de volta pelas garantias possuem taxa de juros acessíveis. Além disso, os prazos são maiores que os de instituições financeiras comuns, pois foram pensados para beneficiar o microempreendedor individual e leva diversos fatores em consideração. O suporte do FAMPE não para por aí: você terá acesso a um gerenciador financeiro virtual para te ajudar a organizar seu negócio.

Por fim, para garantir que o seu negócio continuará saudável financeiramente, o FAMPE disponibiliza um acompanhamento especial do Sebrae que poderá fazer toda a diferença em sua gestão. Sendo assim, essa é uma alternativa de suporte que tem o objetivo de ajudar os MEIs a conquistarem a aprovação em seus empréstimos. 

5 – Empréstimos de cooperativas

Os empréstimos MEI também são oferecidos pelas cooperativas de crédito. Portanto, existem vantagens exclusivas de fazer um empréstimo em uma cooperativa de crédito: a isenção de tributos. Para mais, cooperativas de crédito se tratam de organizações sem fins lucrativos e funcionam de maneira bastante parecida aos chamados agentes de crédito. 

Além disso, você consegue encontrar uma cooperativa de crédito perto de você sem muitas dificuldades, pois estão por todo o território brasileiro. Cidades do interior, por exemplo, encontram nas cooperativas de crédito alternativas aos bancos, que nem sempre oferecem os negócios mais vantajosos para MEIs. A principal vantagem das cooperativas de crédito, como destacado anteriormente, está na isenção de tributos. Confira como fazer empréstimos na conta de luz, uma outra boa alternativa de linha de crédito!

Sendo assim, nas cooperativas de crédito você encontrará suporte continuado para organizar as finanças de seu negócio. Ademais, as linhas de crédito possuem diversos fins diferentes e você poderá escolher aquele que se aplica em sua situação. Dessa maneira, entre as modalidades de linhas de crédito mais solicitadas está o crédito para capital de giro. 

O capital de giro é essencial para que as operações de uma empresa aconteçam, portanto um empréstimo poderá contribuir de forma vital para a manutenção de seu negócio. Desse modo, é possível destacar as cooperativas de crédito como excelentes alternativas, principalmente para aqueles empreendedores que moram em cidades do interior onde as opções são mais escassas. 

MEI Negativado

Os empréstimos MEI oferecem muitas alternativas e é natural que surja a dúvida referente a linhas de crédito para MEIs negativados. Portanto, é importante saber que, em certos casos, mesmo com o CNPJ negativado o microempreendedor individual conseguirá ter acesso a uma linha de crédito. Contudo, as instituições que aceitam fazer empréstimos para MEIs negativados colocam condições para garantir que a negociação não termine em prejuízo. 

Nesse caso, você encontrará empréstimos para MEIs negativados com taxas de juros mais altas. Além disso, os valores disponíveis são menores. Isso ocorre pois as instituições financeiras levam em consideração o risco de inadimplência e, para compensar esse risco, optam por aumentar as taxas de juros e diminuir os valores do empréstimo. Não deixe de conferir o melhor cartão de crédito para MEI, pois poderá ter grande utilidade!

Sendo assim, programas como o Pronampe possuem a restrição de não disponibilizar linhas de crédito para negativados. Caso você tenha interesse em fazer uma negociação com o Pronampe, tenha em mente que será necessário regularizar o CNPJ de seu MEI antes de prosseguir. Por fim, existem os casos onde o CPF do proprietário do MEI está negativado. Quando isso acontece, as chances de conseguir empréstimos MEI ficam ainda menores. 

Conclusão sobre empréstimos MEI

Pesquisar a fundo sobre cada uma das alternativas de empréstimos MEI é crucial para conseguir um bom negócio. Sendo assim, fazer simulações nas mais diversas instituições financeiras e em diferentes programas irá te ajudar nessa busca.

Dessa forma, linhas de crédito existem para auxiliar os microempreendedores individuais. Seja em uma situação financeira mais delicada ou em um investimento importante para o próximo passo de seu negócio, essa é uma ferramenta muito importante. Porém, antes de fazer sua solicitação não se deve esquecer que esses serviços possuem taxa de juros e prazos para pagamento. 

Dito isso, o microcrédito surge como uma excelente alternativa de crédito para um determinado fim, pois é necessário especificar o uso do dinheiro na hora da solicitação. Por sua vez, com o programa do governo Pronampe você terá taxas de juros menores e prazos de pagamentos estendidos. Além disso, o BNDES oferece atendimento online e tem diversas linhas de crédito que poderão fazer a diferença em seu negócio. 

Além disso, o FAMPE é um tanto diferente, pois é um fundo especial que presta um suporte importantíssimo aos MEIs. Já as cooperativas de crédito estão presentes por todo o território nacional e contam com vantagens únicas. Dessa maneira, os empréstimos MEI disponíveis nos dias de hoje oferecem uma grande variedade de possibilidades para o seu negócio!

Navegue

Ao continuar navegando, você concorda com nossos Termos de Uso e Polí­tica de Privacidade.